Zonas de migração
 
   Cães
   Cães
   Raças de cães
   Cuidados e alimentação

   Gatos
   Os gatos
   Raças de gatos

   Cavalos
   Os cavalos
   Raças de cavalos

   Mamíferos
   Coelhos
   Elefantes
   Esquilos
   Hamsters
   Lobos
   Macacos
   Morcegos
   Ursos

   Mamíferos marinhos
   Baleias
   As baleias
   Alimentação das baleias
   Migrações das baleias
   Zonas de migração
   Comunicação das baleias
   Reprodução das baleias
   A baleia azul
   Focas
   Golfinhos
   Orcas

   Felinos
   Leões
   Leopardos
   Linces
   Tigres

   Répteis
   Crocodilos
   Iguanas
   Serpentes
   Tartarugas

   Mundo marinho
   Peixes
   Tubarões

   Aves
   Águias
   Pássaros
   Pinguins

   Insectos
   Borboletas
   Formigas

   Animais
   Animais famosos
   Cuidados de animais
   Curiosidades sobre animais

   Imagens
   Desenhos
   Fotos
   Fundos de Ecrã
   Imagens graciosas
   Gifs animados


Zonas de migração
17

A deslocação anual dos cetáceos entre as zonas de alimentação e as zonas de reprodução se chama de ciclo migratório.

A migração das baleias cinzentas do pacífico é típica: no princípio do Inverno, talvez motivadas pelas numerosas mudanças hormonais devido ao encurtamento dos dias, estes se deslocam para sul a fim de se reproduzirem nas lagoas quentes e pouco profundas das costas Mexicanas. No mês de Fevereiro, as baleias azuis emigram de novo até norte para alimentaram-se ao longo da costa do Alasca e do mar de Beaufort. As mães ficam nas zonas de reprodução um pouco mais de tempo, com o fim de permitir que a sua cria obtenha força suficiente para o longo trajecto que espera a ambos.

As baleias-jubarte seguem o mesmo cenário. Estas se reproduzem nas zonas das Antillas, emigrando até à costa ocidental do oceano Atlântico na Primavera, para dispersar-se nas zonas de alimentação entre o golfo de Maine e Islândia. Uma povoação menos importante emigra entre a Noruega, África ocidental e os arquipélagos de Cabo Verde.

Devido à inversão das temporadas no hemisfério Meridional, as baleias-jubarte se reproduzem entre Junho e Outubro ao longo das costas tropicais dos continentes Meridionais e ao redor das ilhas do pacífico tais como a Nova Caledónia e o arquipélago de Tonga. Estas populações de baleias passam o Verão no oceano Austral rico em krill que rodeia o Oceano Antárctico.

A maior migração efectuada por um mamífero marinha é a das baleias-jubarte que passam o Verão na península do Oceano Antárctico, no sul do Cabo de Hornos e se reproduzem na zona das costas de Colômbia e de Costa Rica.

Zonas de migração

A maioria das baleias austrais ficam em metade no Oceano Austral, mas algumas se alimentam ao bordo das costas meridionais de África, América do sul e na Austrália.

A migração da maioria dos cetáceos com dentes não é tão precisa como a dos cetáceos com barbas. De resto, uma grande parte delas é nómada, invés de migratória. A única migração conhecia deste tipo de baleias é a do grande cachalote: enquanto as fêmeas e os jovens machos ficam nas águas quentes, no Verão os machos adultos emigram para as águas polares para alimentarem-se das vastas quantidades de lulas, voltando com as fêmeas no Inverno para se reproduzirem.

Imprimir artigo Enviar artigo
Tags:   Mamíferos marinhos, baleias
Contacto MundoEntrePatas.com. O teu portal sobre os animais: cães, gatos, esquilos, coelhos, hamsters...
Condições de uso