Orcas: As baleias assassinas
 
   Cães
   Cães
   Raças de cães
   Cuidados e alimentação

   Gatos
   Os gatos
   Raças de gatos

   Cavalos
   Os cavalos
   Raças de cavalos

   Mamíferos
   Coelhos
   Elefantes
   Esquilos
   Hamsters
   Lobos
   Macacos
   Morcegos
   Ursos

   Mamíferos marinhos
   Baleias
   Focas
   Golfinhos
   Orcas
   As orcas
   Características das orcas
   Orcas: As baleias assassinas

   Felinos
   Leões
   Leopardos
   Linces
   Tigres

   Répteis
   Crocodilos
   Iguanas
   Serpentes
   Tartarugas

   Mundo marinho
   Peixes
   Tubarões

   Aves
   Águias
   Pássaros
   Pinguins

   Insectos
   Borboletas
   Formigas

   Animais
   Animais famosos
   Cuidados de animais
   Curiosidades sobre animais

   Imagens
   Desenhos
   Fotos
   Fundos de Ecrã
   Imagens graciosas
   Gifs animados


Orcas: As baleias assassinas
60

Orcas: As baleias assassinasSempre se pensou que as orcas eram uma espécie de baleia, mas não é assim. As orcas são os maiores exemplares da família dos golfinhos. Pode chegar a medir uns 30 pés de largura e pesar até 9 toneladas. As orcas podem ser encontradas em todos os mares e oceanos, mas geralmente preferem as regiões antárcticas, árcticas e as áreas costeiras. O grupo dos cetáceos tem todos os dentes iguais em tamanho e forma, e a sua alimentação se baseia em peixes, lulas, crustáceos e outros invertebrados. A orca é um nadador veloz, aproximadamente 55km/h, mas não é tão ágil como a sua presa favorita, o atum.

A espécie das orcas em concreto tem uma dieta mais variada, que inclui aves e mamíferos marinhos.

Na idade em que os cetáceos começam a levar uma vida independente desconhece-se na maioria das espécies. No caso das orcas, parece que os jovens exemplares sempre permanecem junto ao grupo familiar, que oscila entre cinco e doze indivíduos.

A visão dos cetáceos não é má, mas utilizam a ecolocalização para situarem-se e navegarem. Mas claro a definição visual desta espécie em concreto a faz especial. Podemos dizer que a visão da orca debaixo de água é igual à de um mamífero terrestre como o gato.

As orcas têm um comportamento de cooperação entre os membros do grupo. A estrutura social destes grupos é muito sólida e fechada, chegando a haver casos de reprodução entre membros da mesma família. A hierarquia social dentro de cada grupo está dominada pelas fêmeas.

Outro aspecto da estrutura social das orcas e dos golfinhos em geral, é que caças as suas presas como carnívoros que são e o fazem em grupos chamados quadrilhas, das quais necessitam de um grande comunicação para coordenar a caça e ter êxito na mesma.

O seu sistema de comunicação se baseia em ruídos biosonares.

Esta classe de golfinhos se alimenta de peixes, pinguins, gaivotas, moluscos, focas, lobos-marinhos, outros golfinhos e as vezes pedaços de baleia. Estando em cativeiro podem chegar a consumir até duzentos kg de peixes e lulas por dia. O nome que esta espécie recebeu já à muito tempo é de “baleia assassina”. Este nome, em inglês “Killer whale”, tem a sua origem na Espanha, quando alguns pescadores observavam orcas atacando outras baleias. Apesar desta reputação, as orcas nunca foram atacadas pelo homem.

Imprimir artigo Enviar artigo
Tags:   Mamíferos marinhos, baleias assassinas, golfinhos, orcas
Contacto MundoEntrePatas.com. O teu portal sobre os animais: cães, gatos, esquilos, coelhos, hamsters...
Condições de uso