Migrações das baleias
 
   Cães
   Cães
   Raças de cães
   Cuidados e alimentação

   Gatos
   Os gatos
   Raças de gatos

   Cavalos
   Os cavalos
   Raças de cavalos

   Mamíferos
   Coelhos
   Elefantes
   Esquilos
   Hamsters
   Lobos
   Macacos
   Morcegos
   Ursos

   Mamíferos marinhos
   Baleias
   As baleias
   Alimentação das baleias
   Migrações das baleias
   Zonas de migração
   Comunicação das baleias
   Reprodução das baleias
   A baleia azul
   Focas
   Golfinhos
   Orcas

   Felinos
   Leões
   Leopardos
   Linces
   Tigres

   Répteis
   Crocodilos
   Iguanas
   Serpentes
   Tartarugas

   Mundo marinho
   Peixes
   Tubarões

   Aves
   Águias
   Pássaros
   Pinguins

   Insectos
   Borboletas
   Formigas

   Animais
   Animais famosos
   Cuidados de animais
   Curiosidades sobre animais

   Imagens
   Desenhos
   Fotos
   Fundos de Ecrã
   Imagens graciosas
   Gifs animados


Migrações das baleias
37

Migrações das baleiasAs migrações são motivadas principalmente pelo facto de haver a necessidade de encontrar áreas mais produtivas de alimentação ou de reprodução. As migrações das baleias são realizadas entre as regiões polares no Verão, ricas em alimento e as águas mais quentes no Inverno, propicias para a reprodução.

As temporadas ditam todas as migrações animais, inclusive a dos cetáceos. O seu impacto é mais importante em latitudes elevadas, onde os longos dias de Verão e a fundição dos mares de gelo aportam um nascimento de plâncton e filoprâncton. Estes organismos microscópicos são comidas pelo krill e os copédopes, que por sua vez alimentam os pássaros, as focas, as lulas, os peixes e a baleias. Quando os mares polares gelam no Inverno, a produção biológica se retarda pelo que numerosas espécies emigram então até climas mais quentes.

As migrações das baleias são encarregues pelas baleias fêmeas e são realizadas em grupos de dois a dez exemplares. As fêmeas iniciam a marcha com as suas barbatanas e são acompanhadas exemplares mais velhos e mais jovens. Estes últimos em todo o caso imaturos e que não estão na idade para procriar. Os machos reprodutores terminam a marcha com as fêmeas em descanso do ciclo (recordamos que as baleias têm uma cria a cada 2 ou 3 anos).

A coesão social é muito forte na espécie. Por isso, as baleias que não têm uma função de reprodução, ajudam as outras baleias, protegem as crias, etc. São conhecidas pelo nome de “escoltas” ou “tias”.

As baleias se orientam graças à sensibilidade da sua pele que lhes permite diferenciar a temperatura da água e assim identificar as zonas que encontram. Também se orientam graças às variações da força magnética que variam segundo os lugares do globo.

Os cetáceos são resistentes ao longo da sua migração, vivendo das reservas de gordura durante períodos que podem chegar a alcançar os oito meses durante o ano. No caso das fêmeas com crias, no momento da migração a perda total de peso pode chegar aos 50%.

Imprimir artigo Enviar artigo
Tags:   Mamíferos marinhos, baleias
Contacto MundoEntrePatas.com. O teu portal sobre os animais: cães, gatos, esquilos, coelhos, hamsters...
Condições de uso